Renê Simões não resiste à queda na Copa do Brasil e é demitido do Botafogo

Renê Simões não é mais o técnico do Botafogo. Há três jogos sem vencer, ele não resistiu à derrota para o Figueirense por 1 a 0, nesta terça, que culminou na eliminação do time da Copa do Brasil e foi demitido do clube de General Severiano.

Contratado para o início da temporada de 2015, Renê comandou o Botafogo em 38 partidas: foram 22 vitórias, oito empates e oito derrotas.

"O clube agradece pelos serviços prestados desde o início do ano, como a formação da equipe, o título da Taça Guanabara e a liderança do Campeonato Brasileiro da Série B, mas entende que o momento é de mudança visando alcançar os objetivos na temporada", disse o Botafogo, em breve nota oficial divulgada no site do clube.

O clube ainda informou que Jair Ventura Filho assumirá o comando do time interinamente. "Vamos tentar essa continuidade para o jogo de sábado, com o Jair", disse o presidente do Botafogo, Carlos Eduardo Pereira.

Em entrevista à ESPN Brasil, o mandatário alvinegro descartou um grande nome para assumir o time. "Não decidimos ainda este perfil de nome para substituto, mas com certeza uma contratação de peso está descartada. O [Antônio] Lopes e o Mantuano [vide de futebol] estão fazendo estes contatos", explicou.

FONTE: ESPN


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!