Há três jogos sem vencer nas eliminatórias, Croácia demite técnico Niko Kovac

Niko Kovac não é mais o técnico da seleção croata, divulgou o comitê executivo da federação de futebol do país nesta quarta-feira. Desde outubro de 2013 no cargo, o ex-jogador do Bayern de Munique deixou o cargo após o empate sem gols com o Azerbaijão na quinta-feira e a derrota para a Noruega no domingo, ambos fora de casa.

Com os dois tropeços, a seleção completou uma série de três jogos sem vencer nas eliminatórias para a Eurocopa de 2016, antes vinha de empate por 1 a 1 com a Itália em seus domínios. Os resultados deixaram os croatas na terceira posição do grupo H com 15 pontos, um a menos do que os noruegueses e três a menos do que os italianos.

Kovac foi nomeado para o cargo após a demissão de Igor Stimac e levou a Croácia à Copa do Mundo de 2014, competição na qual os europeus foram eliminados na chave que tinha Brasil, México e Camarões.

A federação croata informou ainda que a busca pelo novo treinador será liderada pelo presidente da entidade, Davor Suker, que foi companheiro de Kovac como atleta na seleção, e o diretor técnico, Romeo Jozak. A expectativa é que o nome do substituto seja conhecido em 21 de setembro.

Os croatas voltarão a campoem 10 de outubro (sábado), quando receberão a Bulgária. Três dias depois, fecharão sua participação nas eliminatórias visitando Malta. Garantem vaga o campeão e vice de cada um dos nove grupos e também o melhor terceiro colocado. Os outros oito terceiros vão disputar os quatro lugares restantes em repescagem.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!