Corpo de Bombeiros afirma ter "reduzido" São Januário

A torcida do Vasco vem se mobilizando há alguns dias para fazer grande festa no domingo, em duelo contra o Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro. Alguns cruz-maltinos falavam na presença de 20 mil, outros de 22 mil pessoas, mas o Corpo de Bombeiros definiu nesta semana que este número será muito menor, não superando as 15 mil pessoas.


Segundo a corporação, uma vistoria realizada nos últimos dias constatou a necessidade de limitação da capacidade, que era de 19 mil pessoas, em quatro mil lugares. De acordo com a assessoria do órgão, a restrição de público varia conforme as observações avaliadas para que o local não apresente risco iminente no dia do evento, sem detalhar os itens que provocaram a decisão.

 

Através de sua assessoria de imprensa, o Vasco alega que tal redução não aconteceu e que esta já era a capacidade do estádio nas últimas partidas em casa. Na versão do clube, a intenção era, justamente, aumentar a capacidade de 15 mil para 19 mil, em jogos do Campeonato Brasileiro, o que ainda não foi aprovado pelo Corpo de Bombeiros.


A maior carga de ingressos disponibilizada pelo clube neste Brasileirão foi no jogo contra o Avaí, pela 10ª rodada. Ao todo, segundo informações disponibilizadas pela CBF, 13.071 bilhetes foram colocados à venda, número bem abaixo do "novo" limite. Apenas no Campeonato Carioca a expectativa de presença superou a atual capacidade - nas partidas contra Nova Iguaçu (18.594 ingressos postos à venda) e Bangu (17.260).


Diante da versão da redução, divulgada pelo Corpo de Bombeiros, a preocupação que fica é a de São Januário estar, ao menos nesse jogo contra o Palmeiras, no limite do regulamento do Brasileirão, que é exatamente de 15 mil pessoas. Qualquer nova queda nesse limite obrigaria o Vasco a procurar outro local para atuar.


FONTE: ESPN

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!